Reflexões | Corrupção

corrupcao_

Outro dia, num almoço de família, um de meus filhos contou uma história curiosa. Disse que, quando era pequeno, uma vez “se aliviou” na lagoa em São Pedro D’Aldeia (RJ).  Veio me contar. E eu disse que ele ia ter de catar sua “obra”, porque não podíamos deixar ali, no lugar onde as pessoas tomavam banho. Arranjei um jornal e fui com ele cumprir a missão.

Eu não me lembrava do fato, mas acho que é bem a minha cara. Talvez seja um pouco radical, mas prefiro assim.

Há poucos dias, outro filho fez uma compra no mercado. Achei o valor baixo e pensei que ele não teria trazido o que costumamos comprar na semana, por algum motivo. Ele disse que comprou tudo. Quando verifiquei a nota, percebi que não cobraram as carnes. Ele voltou ao mercado, e foi difícil para o gerente compreender que não era uma reclamação – tinha retornado apenas para que o mercado pudesse cobrar o que era devido.

Ando muito triste com o que tem sido noticiado sobre corrupção, bandalheiras e jeitinhos no nosso país. Mas não acredito que isso seja de agora. Sabemos que não. Não sei em que escala, mas era algo comum e nem virava notícia. Além disso, ninguém era preso. Não sou polícia para investigar nem juiz para julgar, mas tenho a sensação de que está sendo exposto algo que sempre aconteceu e que as pessoas faziam de conta que não sabiam.

A parte ruim é que os capítulos diários dessa novela, que já dá mais ibope do que muitas outras da TV, não estão exatamente causando uma comoção dentro de cada um. O que assisto são pessoas trepadas em pedestais e acusando raivosamente outras, como se destruir o outro fosse a salvação do país. Caramba, não estamos todos no mesmo barco? Ou então, acordos são feitos de parte a parte, não para limpar a sujeira, mas para protegê-la.

Acho importante que a gente se responsabilize pelo que faz e respeite os outros. E é isso o que sempre ensinei aos meus filhos, não com grandes discursos, mas com pequenas atitudes.

P.S: Cabe ressaltar que muito do que tem sido apurado se deve aos servidores públicos concursados do Ministério Público, da Polícia Federal e do judiciário.

____________________________________________________________________

Links

● Facebook

● Twitter: @liasalgado_

● Coluna da semana no G1: ”Aprenda a controlar a ansiedade nas provas de concursos públicos”

● Livro – Como Vencer a Maratona dos Concursos Públicos

qui 16 abr/2015