Dinamometria? – Elon Junior

Acredito que poucos candidatos que prestam concursos para área da segurança pública ou militar e serão submetidos as Testes de Aptidão Física, tenham ouvido falar desta palavra: dinamometria. Geralmente ouvimos falar de flexão, barra, abdominal, corrida de velocidade, corrida de resistência, natação, salto de impulsão horizontal, entre outros, não é mesmo?

Mas, se você tem pretensão em participar dos concursos dos Correiros (ECT) e da Liquigás, fique atendo, pois na segunda fase do certame (o TAF), esta avaliação será cobrada.

Os candidatos deverão ter uma atenção especial para estes testes, pois não existe muito contato com os equipamentos (Dinamômetro: Manual, dorsal e Escapular) em locais de treino, o que impossibilita trabalhar especificidade, um dos fatores de maior importância para sua aprovação.

A dinamometria é um método de aferição da capacidade estática de resistência dos músculos, aferindo a força máxima da região corpórea desejada (antebraço, lombar e para vertebral).

dinamometriaOs testes não são muito exigentes – porém, é preciso fazer o reconhecimento deles durante o treino para não somente ter o ganho de performance nas valências físicas exigidas, mas para criar a memória muscular do movimento (biomecânica). Muitos candidatos com a capacidade física apurada ficam reprovados por não executarem corretamente o exercício da forma exigida no edital.

Este concurso (ECT), é um dos poucos dos quais tenho conhecimento que planejou seus testes em relação a função dos seus futuros funcionários. Os correios têm um estudo prévio com os colaboradores atuais da empresa e correlacionaram atividades com patologias clínicas inerentes ao cargo. Portanto, os testes e índices exigidos minimizam estas lesões que, em sua maioria, apresentam-se na região do ombro.

Elon Junior

Elon Junior é subtenente do CBMERJ, Coach Físico para Concursos, palestrante e autor do livro “Preparação Física para Concursos

www.elonjunior.com.br

_

qui 03 set/2015