Dicas de Filmes 17 – O Rei Leão

Salve, Salve, Concurseiros!

Já faz tempo que não indico nenhuma animação e a escolhida de hoje é a melhor de todos os tempos.

rei leaoO Rei Leão

Sinopse:

Simba é um jovem e curioso leão tentando entender o equilíbrio de seu futuro reinado. Seu pai, Mufasa, é um excelente pai e tutor, ensinando ao filho todas as qualidade necessárias para se governar com respeito e compaixão. Tudo ia muito bem até que o invejoso irmão do rei, Scar, arquiteta um plano para matar Mufasa e assim assumir o trono. É a partir daí que Simba vai para o exílio, passar por uma jornada que modifica toda sua vida.

O Rei Leão foi a animação da Disney mais assistida durante 20 anos. Eu era apenas uma criança quando o filme estreou mas lembro-me muito bem do sucesso absurdo que teve. A combinação de uma animação tecnicamente impecável, trilha sonora do Hans Zimmer e uma história cheia de belos ensinamentos, conquistam adultos e crianças até hoje. Para mim, as grandes mensagens do filme são: a compreensão do ciclo da vida e, como um passado doloroso pode nos trazer importantes ensinamentos para conquistar um futuro glorioso.

Bom filme e até semana que vem!

Ficha Técnica

Título Original: The Lion King

Origem: EUA, 1994

Duração: 89 minutos

Direção: Robert Minkoff, Roger Allers

Elenco:  James Earl Jones, Jeremy Irons, Matthew Broderick

Pedro_MeloPedro Melo é produtor e cinéfilo.

 

 

 

_

sex 26 set/2014

Em que mundo você quer viver?

mundo melhor

Ando um tanto cansada das notícias que vejo por aí. Mudam os personagens, mas o teor é sempre o mesmo. Fala-se de corrupção, falta de ética, “jeitinho” ou, na melhor das hipóteses, apatia – que, mais recentemente, tem sido denominada “leniência”. Vou ao Aurélio e descubro: “brandura, suavidade, doçura, mansidão”. Bons tempos em que isso seria um adjetivo positivo. Hoje, o que temos é a absoluta passividade em relação a tudo. “Não tem jeito mesmo…” ou “O que eu posso fazer?”, dizem todos para justificar seu nada fazer.

Tenho filhos, você sabe. Mais de uma vez ouvi algo do tipo: “Mãe, o mundo não é assim.” ou “Mãe, não existe mais ninguém como você.”. Educar dá trabalho e é tarefa imprescritível. Mas é preciso ser feita e eu não me furtei. Com o passar do tempo, graças a Deus, eles também se tornaram assim, uma espécie quase em extinção. E, aos poucos, descobriram o que eu já sabia: existe sim, gente de bem, correta, em quem se pode confiar. Não sei se são muitos ou poucos, mas há. E eu, cada vez mais, me concedo o direito de conviver, por escolha, somente com pessoas assim. Faço o meu mundo particular dentro do mundo. Vou selecionando, pelo caminho, tipos que reconheço de valor especial, e agrego ao meu patrimônio pessoal. Simples assim. É fato que somos obrigados, infelizmente, a tratar com gentes das mais esquisitas e deploráveis. Faço-o da maneira mais objetiva e encerro o assunto tão logo possível. Essas não pertencem ao meu mundo. Fazem escolhas diferentes das minhas – é direito de cada um – e optam por viver em outros mundos. Ainda assim, claro, ajo de acordo com meus princípios. Quem sabe, com alguma sorte, estão permeáveis a uma mudança?

Por outro lado, se desejamos viver em um mundo melhor, é preciso firmeza. Em geral, não é nas grandes atitudes que as pessoas vacilam, mas nas pequenas ações do dia a dia. Ética não é sinônimo de honestidade, que lhe restringiria por demais o significado. É o trato com o ser humano, com a consciência de ser o outro igual, por mais desigual que pareça. É ser firme e claro nas suas posições, sem que isso seja arma para diminuir o outro. É ser honesto consigo mesmo, coisa que se devia aprender na escola, e não se desaprender desde que nasce. Chorar quando está triste. Perceber quando a angústia bate, e buscar a causa, em vez de descontar em situações outras. Ficar feliz de verdade quando alguém vence. Ser solidário com a dor do outro, mesmo que nada possa ser feito, exceto estar perto, que às vezes é tudo de que o outro precisa. É reconhecer que muitas vezes não sabemos o que fazer e, então, nada fazer até que as coisas se clareiem.

O problema é que somos formatados para dar mais importância ao que causa sofrimento do que àquilo que oferece bem-estar verdadeiro. O noticiário é recheado de sangue e podridão porque nós “queremos” isso. O pior é que, num círculo vicioso, segue a propaganda subreptícia daqueles comportamentos. Alimentamo-nos disso no café da manhã, almoço e jantar. Nos momentos de lazer, comentamos assuntos do mesmo matiz. Na hora de agir, o comportamento distorcido já está assimilado e acontece “naturalmente”.

Por isso é preciso acordar e ter consciência de cada ato. Tenho tido uma experiência muito bacana do quanto podemos influenciar pessoas, não com nossas palavras, que vão no vento, mas com a atitude diária e permanente. Sei que isso não dá mídia, mas é verdade.

E fico muito feliz quando, no meu dia, encontro gente diferente. Que fala o que pensa, que luta pelo que acredita, que realiza o seu trabalho dentro dos melhores valores. Nessa hora eu vejo que tem é muita gente bacana por aí. Só que não aparece na televisão.

Escrevo aqui sobre este assunto, porque sei que me dirijo a futuros servidores públicos. Estou sempre comentando o que acho que possa ser útil à sua aprovação. Mas peço que você se lembre de ser útil ao seu país. Esteja certo de que será o primeiro beneficiado. E cada um de nós também.

Obrigada.

_____________________________________________________________________

Links

● Facebook

● Twitter: @liasalgado_

 ● Coluna da semana no G1 em vídeo: ”Quem tem direito à nomeação em concurso?”

● Livro – Como Vencer a Maratona dos Concursos Públicos – à venda na Saraiva

qui 25 set/2014

Lia Salgado no G1 – 23/09/2014

Quem tem direito à nomeação em concurso? Entenda

G1 23-09-2014Na coluna em vídeo desta semana, a especialista em concursos Lia Salgado responde perguntas sobre nomeação após aprovação em concurso. Ela também fala sobre a proposta de acabar, na prática, com o cadastro de reserva, nomeando todos os classificados.

Confira a matéria e assista ao vídeo clicando aqui 

_

 

 

ter 23 set/2014

Dicas de Filmes 16 – Forrest Gump

Salve, Salve, Concurseiros!

Que tal assistir um dos melhores filmes já produzidos?

forrest

Forrest Gump

Sinopse:

Forrest Gump (Tom Hanks) é um garoto diferente. Seu QI baixíssimo, por algum motivo desconhecido, faz com que ele possua uma diferente visão de mundo e se comporte de forma ingênua e bondosa. Contrariando todas as espectativas, Forrest acaba participando de momentos importantes da História dos Estados Unidos. No entanto, seu pensamento sempre esteve voltado para sua única amiga e amor de infância – Jenny (Robin Wright).

Vencedor de 6 Oscar, incluindo melhor filme, ator e diretor de 1995, esta obra de arte está entre os melhores filmes que já ví. A forma como Forrest tem consciência de suas limitações e continua seguindo com sua vida serve de inspiração para todos nós. A grande mensagem do filme é resumida em uma frase dita pela mãe do protagonista em certo momento: “Forrest, nós temos que fazer o melhor possível com aquilo que Deus nos deu”. 

Ficha Técnica

Título Original: Forrest Gump

Origem: EUA, 1994

Duração: 142 minutos

Direção: Robert Zemeckis

Elenco:  Tom Hanks, Robin Wright, Sally Field, Garry Sinise

Pedro_MeloPedro Melo é produtor e cinéfilo.

 

 

 

_

sex 19 set/2014

1ª Jornada da Carreira Pública (RJ) acontece sábado, 20

Folha DirigidaEste sábado, dia 20, será um dia especial, importante e decisivo para quem busca uma vaga no serviço público ou já atua na área. É que ocorrerá das 10h às 20h, na Associação Brasileira de Imprensa (ABI), localizada no Centro do Rio de Janeiro, a 1ª Jornada da Carreira Pública. O evento, que é uma iniciativa da FOLHA DIRIGIDA, com entrada gratuita, contará com um ciclo de palestras e muitas dicas e orientações para aqueles que buscam um oportunidade de emprego com estabilidade. Para facilitar o ingresso no local, as inscrições para a I Jornada da Carreira Pública podem ser feitas pela internet.

[confira os detalhes clicando aqui]

qui 18 set/2014

Lia Salgado no G1 – 16/09/2014

Estudar matérias básicas do INSS ajuda na preparação para outros concursos

16-09-14Na coluna de vídeo desta semana, a especialista em concursos Lia Salgado responde dúvida de internauta sobre como estudar para um concurso que ainda não teve o edital publicado.
Ela também fala sobre exigências para o cargo de analista administrativo e dá dicas para se preparar para o concurso da Petrobras sem cursinho presencial.

Confira a matéria e assista ao vídeo clicando aqui 

_

 

ter 16 set/2014

Lia Salgado no G1 – 02/08/2014

Veja prós e contras de se preparar para um concurso específico

G1 02-09-2014É muito comum, no mundo dos concursos públicos, que o candidato comece a sua jornada estudando para um processo específico. Em alguns casos, até com edital já publicado. Será que é uma boa estratégia? Veja as vantagens e desvantagens da escolha:

Confira a matéria clicando aqui 

_

 

 

 

 

ter 02 set/2014

Lia Salgado no G1 – 19/08/2014

Tire dúvidas sobre como se preparar para concurso que não teve edital publicado

G1 26-08-2014Na coluna de vídeo desta semana, a especialista em concursos Lia Salgado responde dúvida de internauta sobre como estudar para um concurso que ainda não teve o edital publicado.
Ela também fala sobre exigências para o cargo de analista administrativo e dá dicas para se preparar para o concurso da Petrobras sem cursinho presencial.

Confira a matéria e assista ao vídeo clicando aqui 

_

 

 

ter 26 ago/2014

Eliminação por Atestado Médico – Elon Junior

Uma das exigências para continuar no processo seletivo de um concurso que cobra o Teste de Aptidão Física é a apresentação de um atestado médico.

Hoje em dia uma grande parcela de candidatos são eliminados do processo por não seguirem as instruções contidas no edital. Algumas vezes por não atentar aos detalhes exigidos e outras, o fato do médico não concordar com o formato da obrigatoriedade.

Para entendermos melhor este artigo, abaixo transcrevo os formatos que se apresentam nos editais diversos, a saber:

“… – O candidato deverá comparecer, em data e horário previsto em cronograma anexo, com trajes apropriados para a prática de esporte (inclusive natação), munido de atestado médico original, específico para tal fim, emitido com antecedência máxima de 30 (trinta) dias da data de realização do teste;

… – No atestado médico, deverá constar, expressamente, que o candidato esteja apto para realizar o Teste de Capacidade Física deste concurso e conter data, assinatura, carimbo e CRM do profissional, conforme modelo anexo V:

… – O candidato que deixar de apresentar o atestado médico em conformidade com os itens 11.5 e 11.6 será impedido de realizar o teste, sendo consequentemente eliminado do concurso.

ANEXO V

Atestado

 

Então! Você acha justo ser eliminado do processo, por apresentar atestado fora deste padrão? Por exemplo: Atestado com data superior a 30 dias, ou seja, 33, 40, 60 ou até mesmo 180 dias.

Vale lembrar que está em vigor a LEI Nº 15.527, DE 14 DE FEVEREIRO DE 2012
Altera a redação do art. 2º e acresce os arts. 2º-A e 2º-B à Lei nº 11.383, de 17 de junho de 1993, que dispõe sobre a regulamentação do funcionamento de academias de ginástica, esporte e afins.
“Art. 2º Os estabelecimentos a que se refere o art. 1º desta lei deverão exigir, no ato da matrícula, a realização de exame médico pelo aluno, a ser renovado a cada 6 (seis) meses.” Baseando-se nesta lei, o prazo de validade de um atestado médico assinado pelo profissional da saúde e em consenso geral determina validade de 06 meses.

Outra insatisfação percebida claramente nos candidatos eliminados do processo por apresentarem atestados fora do padrão transcrito no edital, é quando o médico atesta apenas que candidato está apto a praticar atividade física. É isso mesmo, esta declaração não diz que eles está apto a ser submetido ao teste físico. É preciso entender que há um lacuna muito grande entre atividade física e teste físico!
Neste caso, eu particularmente defendo a eliminação baseado nos conceitos de autoridades no assunto que transcrevo abaixo:

CONCEITO DE ATIVIDADE FÍSICA E EXERCÍCIO FÍSICO 

Atividade física tem como definição qualquer movimento corporal, voluntário, produzido pela musculatura esquelética, que resulte em um gasto energético maior do que os níveis de inatividade (CASPERSEN et al, 1985 apud GUEDES e GUEDES, 1995; NAHAS, 2001). Porém, não se deve confundir o uso da denominação de atividade física com exercício físico, mesmo apresentando elementos em comum. O exercício físico é considerado uma subcategoria da atividade física, assim como as atividades relacionadas ao trabalho profissional, o trabalho doméstico, os momentos de lazer e as horas de sono, refeição e higiene. Dessas subcategorias da atividade física, apenas as atividades esportivas e os programas de condicionamento físico é que podem ser considerados exercícios físicos (GUEDES e GUEDES 1995).

A definição de exercício físico, segundo Caspersen et al (1985) apud Guedes e Guedes (1995), é que toda atividade física programada, repetitiva, com estrutura e objetivos definidos em prol da manutenção ou melhoria de um ou mais componentes da aptidão física, é considerada exercício físico. O fato é que ambos, quando devidamente aplicados de forma progressiva demonstram relações positivas com a melhora na aptidão física (GUEDES e GUEDES, 1995).

CONCEITO DE APTIDÃO FÍSICA

A expressão aptidão física representa a habilidade do corpo de adaptar-se às demandas do esforço físico que a atividade precisa para níveis moderados ou vigorosos, sem levar a exaustão. Podemos incluir como principais componentes: a condição aeróbica, força e flexibilidade (ARAÚJO e ARAÚJO, 2000, p.195).

Portanto, conclui-se que este tema pode ser levado ao judiciário para encontrar o remédio caso haja algum candidato eliminado indevidamente. Porém acredito que uma boa argumentação ao médico, o mesmo entenderá seus motivos e lhe dará o documento (atestado médico) conforme o edital, evitando assim um transtorno e desgaste físico, psicológico e financeiro tendo que recorrer ao judiciário.

Forte abraço, bons treinos e te espero nas fileiras da corporação.

 

Elon JuniorElon Junior é subtenente do CBMERJ, Coach Físico para Concursos, palestrante e autor do livro “Preparação Física para Concursos

www.elonjunior.com.br

 

_

seg 25 ago/2014

Lia Salgado no G1 – 19/08/2014

Estudo para concurso não pode parar no período eleitoral; veja dicas

19-08-2014

Quem desacelerar o ritmo de estudo agora ou, pior ainda, suspender a preparação para concursos por achar que não haverá editais até o próximo ano estará cometendo um grave erro. O mito de que não há concursos em período eleitoral é infundado. Eles podem ocorrer a qualquer tempo. A única limitação é para nomeação de aprovados nas esferas para as quais haverá eleições (neste ano, federal e estadual). Mesmo assim, se o processo tiver sido homologado até 3 meses antes do pleito, a restrição deixa de existir.

Confira a matéria clicando aqui 

qui 21 ago/2014
1 2 3 4 5 12